11 de março de 2009

Sobre grandes sorrisos e pessoas pequenas

Ela não estava animada,
e nem ao menos sorria.
Com a cara meio emburrada,
Pensava em seu pessimo dia.

Ainda estava distante,
perdida dentro de si,
quando notou, num instante,
o que havia logo ali.

Uma coisa tão pequena,
sem nem cabelo nem dente...!
Uma expressão tão serena,
Num mero pingo de gente.

Fica fácil imaginar
o que em seguida aconteceu;
sem ter tempo de pensar
um sorriso apareceu.

Um ser tão pequenino...
Com um sorriso tão grande!
O rostinho de um menino...
E todo o poder de um gigante!

---
Não lido bem com rimas, e meus poemas sempre ficam estranhos... Mas precisei escrever esse, sobre como um sorriso imenso, num rostinho minúsculo, pode mudar seu dia.
Obrigada à Gabih, que me ajudou com algumas rimas! :)

4 comentários:

Biia disse...

Escolhi seublog para receber um selinho passe no meu blog para pegar!

Maria disse...

O verso ficou lindo =D
E em pensar neste risinho outro riso brotou aqui ^^

Meu beijo

Maria Fernanda disse...

Que poder as crianças tem sobre a gente...

Gabih Dias disse...

Que nada Line, ficou linod sim, e eu não ajudei com quase nada hsuahsuashuasu
parabéns pelo SEU trabalho!

Postar um comentário

Anote aí.