13 de maio de 2009

Medos

Quando eu era bem pequena, achava que se crescesse eu não ia ter medo de nada.
Eu cresci. E meus medos, pra meu espanto, cresceram junto comigo.
Não quero dizer com isso que ainda tenho medo do escuro, ou que o barulho das janelas batendo ainda me assusta à noite. Agora os medos são maiores, entende? Agora é medo de uma solidão mil vezes pior que o escuro. Os monstros sob a cama tomaram a forma de saudades e problemas que me impedem o sono. Medo do 'não', medo do 'sim'. Medo até do 'talvez'. Medo dos crimes, medo da morte, medo da vida. Medo de cada segundo ser o ultimo meu ou o ultimo das pessoas que eu amo. Medo de amar e não ser amado, medo da dor, medo de perder tudo. Medo puro e simples de errar, de decepcionar, de sofrer.
E eu que pensei que gente grande não tinha medo... Descobri que os medos crescem também.

10 comentários:

Patrícia disse...

Os meus medos estão maiores, é fato. E é uma pena que eu não moro com meus pais. Ia dormir com eles, hehe.

Maria Fernanda disse...

Os medos não crescem, são medos novos. E tudo que é novo, causa medo na gente também.

Nasca™ disse...

eles até que tem seu lado bom.
as vezes. damos mais valor a certas coisas por medo de perder, damos valor demais pras coisas por medo de perder .. viu. na medida certa, podem ser aliados..
só deixe bem claro pra eles que grande mesmo é você.

:*

Felipe Braga disse...

Eu tambem tenho medos. Medo de não escrever mais, medo da solidão.
Ainda bem que posso ler os seus textos!
Parabéns!

Belinha disse...

Quem nessa vida não tem medo.
Neh. ; )~~

Belinha disse...

Ah!!! Adorei seu blog.

Erica Maria disse...

Sabe que esse texto descreveu exatamente o que estou sentindo nos últimos dias?

Medo, medo de tanta coisa...

Lindo, adorei!!!

Bjos em teu coração lindo!!

* Estou linkada com meu outro blog!

Gaby disse...

Infelismente no decorrer de nossas vidas, os nossos medos vão aumentando, e nem sempre teremos alguem para nos protegee, como quando eramos crianças.

Brigada pela visita *-*
Volte sempre

BeijOs

Hosana Lemos disse...

os medos estão aí para ser encarados... e a cada nova etapa, novos surgem, uns vão embora, outros permanecem!
Sempre existirão...cabe a gente saber como lidar com eles, como superá-los...ou apenas saber conviver de forma harmônica!
;)

bjão!
=*

Vinícius disse...

È os medos sempre surgem, a cada etapa nova da vida, tem-se que saber lidar com eles.Mostrar o tamanho da vontade de seguir em frente!


;*

Postar um comentário

Anote aí.