17 de junho de 2009

Quem

Eu a vi quando me aproximei da janela.
Quem era aquela moça que me encarava do outro lado? Aquela moça, de cabelos longos, penteados, arrumados...? Aqueles olhos castanhos, de cílios pouco maquiados, pareceram-me familiares... Não soube explicar. Mas... Quem seria ela? Parecia madura, parecia segura, parecia tão esperta... Quem era aquela moça, de unhas pintadas e modos comportados? Quem era ela, e por que havia aquela viva curiosidade em seu rosto?
Cheguei mais perto. A janela tornara-se espelho.
DEUS! Aquela moça era eu!

--

"Eu não tenho mais a cara que eu tinha
No espelho essa cara já não é minha
[...]
Os anos se passaram enquanto eu dormia"
(Titãs - Não vou me adaptar)

11 comentários:

Nathy disse...

Perfeito!!!

Nasca disse...

adorei..
nos perdemos as vezes não?

isso prova que alguém tá crescendo.
isso prova. :*

Maria Fernanda disse...

Como assusta enxergarmos depois de anos.

Penso que, nos vendo todos os dias, nos acostumamos com a pequena mudancinha diária e não a notamos. Mas, se parar para pensar, em passado — distante — e presente, ver todas as mudanças, analisar cada cm do corpo e o brilho que os olhos emanam, assusta. E assusta muito!

disse...

Adorei. Tenho pensado muito nisso, ultimamente. Em como mudamos com o passar dos anos, e como nos surpreendemos. Muito bom o blog, beijo.

Iris Gimaiel disse...

Que legal esse texto. Eu já pensei em ficar uma semana sem me olhar no espelho, mas deve ser muito dificil :S
Imagina depois, se olhar no espelho.. deve ser mto diferente.

Beeijos!

Felipe Braga disse...

Aah, por isso que sou teu fã! Adorei. Fiquei surpreso com o maravilhoso final!
Parabéns, Aline.

Felipe Braga disse...

Ah, você já tinha comentado comigo que quer fazer jornalismo. Eu também queria, mas nem sei mais. Viu? Não é mais obrigatório o diploma...

Flor de Luna disse...

Gostei deveras das suas notas.
Quando passeio pelos blogs,vejo que o meu é tão pequeno e minhas palavras
são tão humildes perto de tamanha sensibilidade.

Em relação ao comentário a cima,jornalismo é um bom caminho pra você.

Continue com suas notas,e estarei sempre passeando por aqui.

.DD

Camila Colossi disse...

gosto do passado :)
ameei seu texto amor

bejoos

gabriela; disse...

ai, que encanto.

o tempo passa, e a gente nem nota...;

:*

Patrícia disse...

Ahhh como eu amo essa música! ;)

Postar um comentário

Anote aí.