6 de julho de 2009

06/07/2009

(...) É que voce é tudo isso, Line. Voce é essa mistura de razão e sensibilidade. Quer dizer, voce é a garota sensata mais emotiva que eu conheço. Ao mesmo tempo que voce fica cedendo aos seus sentimentos, fica também os analisando, racionalizando todos eles. Na verdade, voce nunca é totalmente um, nem totalmente outro. Suas ideias e seus sentimentos vivem interligados, e uns não vivem sem os outros, entendeu? As vezes voce acha que tá só sendo sensata, mas na verdade não está. E nunca está totalmente levada por sentimento. Voce mede suas paixões sempre, e ve se elas cabem na sua vida. E as vezes é o contrario. Voce primeiro se encanta, se liberta, se convence. E depois calcula as consequencias. Mas voce nunca fica só calculando, nem só sentindo. Já estou ficando repetitiva, mas acho que voce entendeu o recado. Eu quero dizer que voce, Aline, é o equilibrio que as pessoas precisam, e e isso que te faz encantadora desse jeito. As vezes eu te olho e penso que voce é uma criança, mas aí voce começa a falar sério, e parece mais velha que eu. De repente, e a menina que estava sorrindo pra chuva me vem com os melhores conselhos possiveis. Voce é menina-mulher no sentido mais absoluto. E voce é muito dificil de entender e muito facil de gostar. Dificil, eu digo, porque voce é simples demais. É tão facil te fazer sorrir que as vezes parece que voce tá fingindo, que tá mentindo. Mas quem te conhece de verdade sabe que voce realmente gosta dessas bobeirinhas que as pessoas dizem, que voce se satisfaz sinceramente com uma musica ou um cartãozinho de R$1,99. Voce acha tudo muito bonito, sempre. E se apaixona de verdade, assim, por detalhes. Voce não precisa de muito pra ficar feliz, nem de muito pra ficar triste. Só pensar em magoar alguem que voce gosta, voce já fica deprimida! Não importa se estão te massacrando, se falam mal de voce ou te tratam terrivelmente mal. Voce se importa em como as pessoas estão se sentindo, e as perdoa. Eu acho, querida, que voce ama demais, e eu ainda não sei se isso é bom ou ruim pra voce. (...)

----
Recebi por e-mail, vindo de uma querida que mesmo distante se faz presente quando eu preciso.

2 comentários:

Cleiton disse...

Sensacional. A Aline é realmente um misto de tudo isso mas nem chega a ser tão dificil de entender. Depois de um tempo a gente se acostuma com o jeito tão especial dessa menina que realmente tem o dom do perdão. Beijo

Felipe Braga disse...

Nossa, que bela descrição! Percebo que você é um misto de tantas coisas...
Coisas belas, aliás.
Beijos.

Postar um comentário

Anote aí.