12 de agosto de 2009

Hoje

Acontece que eu preciso de um abraço. Mas não qualquer abraço, não quaisquer braços. Eu preciso de um abraço que console minhas lágrimas e que me aqueça a alma, que continua fria, mesmo com a proximidade da primavera. Necessito um desses abraços que não me exijam nada, que não me cobrem nada, que não me perguntem nada. Um abraço puro, simples. E que ainda haja amor nesses braços. E que seja um amor desses bonitos, dos grandes, que fazem a gente querer voar e achar que pode atravessar Atlânticos e Pacíficos, só por um olhar; Atravessar céus e mares, apenas por um sorriso. Eu quero um desses abraços tão lindos, que consigam em silêncio me dizer tudo, me prometer tudo...

Me acontece que eu quero carinho. Quero colo, toque de mãos no cabelo, quero esconder-me nos braços desse abraço, perder-me, esquecer de mim mesma e por instantes, ainda que breves, pensar que nada mais no mundo existe, que nada mais importa. E continuar presa nesses braços por vontade própria, pelo tempo que houver, sem medi-lo, sem contá-lo, sem limitá-lo...

É que hoje eu não posso cuidar de ninguém. Hoje eu não quero, não devo e não vou sorrir sem poder. Hoje eu não vou botar essa máscara de força, nem vestir essas frases feitas, nem apresentar esse teatro ensaiado, só pra ninguem se preocupar.
Hoje eu preciso me permitir as lágrimas, hoje eu quero poder gritar e me encolher num canto. Hoje eu quero as musicas certas, as que fazer rir e as que provocam choro... Hoje eu não vou deixar de sentir, nem fingir que não sinto. Hoje eu é que preciso ser cuidada, hoje eu é que quero um carinho, um agrado e um sorriso.

Hoje, eu preciso que aquele importante se importe.

"Hoje eu preciso ouvir
qualquer palavra tua;
Qualquer frase exagerada
que me faça sentir alegria
Em estar vivo.
(Só Hoje - Jota Quest)

**
A Gabriela e a me indicaram um selinho, que agradeço hoje e posto amanhã =*

11 comentários:

Marina disse...

Lindo pequena Aline.
Sinta-se abraçada.
Bjo!

Katrina disse...

Eu fico guardando abraços

Nathy disse...

Perfeito!!! Eu também queria...

Cleiton Souza disse...

O interessante foi ter ido aí fazer tudo isso sem ter lido o texto antes, kkkkkkk

Voce sempre terá alguem para cuidar de voce e te dar esses abraços, bjo

Felipe Braga disse...

É. Esses dias como Hoje dão belas palavras nas tuas mãos.
Infelizmente não posso te dar um abraço. :/

Aline Gianasi disse...

Ô menina... tem dias que.

Laura disse...

te dou uma estrelinha. tambem.

Ni ... disse...

Tbm preciso... muito...

Beijo e mais beijos

Desi disse...

oi Aline :)
estava passando pra conhecer e resolvi comentar, pq concordo com tudo isso, eu me sint assim, hoje :/
espero que passe, pra mim e pra ti, as vezes é bom, mas as vezes é ruim tbm..

bjos!

Ítala disse...

Bonito texto, e muito sincero tbm.. tem dias [muitos dias] que precisamos mesmo de um abraço para nos curar a alma....

estou acompanhando o seu blog ok?
gostei muito, parabens..

BjOs

Kari disse...

Há dias em que queremos dedicar exclusivamente a nós mesmas... Sermos amadas, queridas, abraçadas...

Há tantos dias assim... Mas são tão poucos os que realmente nos dedicamos. Por quê, afinal?

Abraços

Postar um comentário

Anote aí.